prefeitura encerra projeto brincando com esporte


Projeto atendeu 200 crianças e adolescentes durante as férias, investimento de R$ 100 mil reais








Promover opções para preencher o tempo livre de crianças e adolescentes durante as férias com atividades lúdicas, esportivas, artísticas, culturais, sociais e passeios turísticos esta foi a proposta do projeto Brincando com Esporte desenvolvido durante todo mês de julho e que atendeu 200 crianças e adolescentes.

 

O projeto foi desenvolvido em parceria com o Ministério do Esporte e o encerramento aconteceu no último dia 27, na Escola Municipal José de Sene Prata, com a presença dos pais dos participantes. Segundo a coordenadora do projeto, Márcia Martins o Brincando com Esporte cumpriu a proposta inicial e surpreendeu com novidades. “O propósito era oferecer atividades durante as férias, mas conseguimos ir além com o adiantamento das atividades e das viagens e com toda certeza conseguimos um resultado magnífico”, fala.

 

A vice-prefeita, Ivaina Reis acompanhou o último dia de atividades com as crianças e explicou que, “o Brincando com Esporte só foi possível devido a parceria com o Ministério e contou com o apoio do deputado Federal, Tenente Lúcio para aprovação e somos a única cidade da região com essa conquista”. A vice-prefeita ainda revelou que as experiências para as crianças foram únicas. “Um projeto desta grandeza não acontece sempre e temos a certeza de que as  crianças aproveitaram tudo que foi oferecido ao máximo, mas vamos buscar novas parcerias para desenvolver novos projetos semelhantes, porque nossas crianças e adolescentes merecem”, finaliza.

 

As pequenas Érica e Maria Rita, de 10 anos, participaram e aprovaram o projeto. “A gente nunca tinha participado de algo assim e gostamos muito das brincadeiras e das viagens”. As meninas e outras 198 crianças e adolescentes viajaram para locais turísticos como, por exemplo, usina hidrelétrica da CEMIG e para a cidade dos dinossauros, Peirópolis. O chefe do Departamento de Esporte e Lazer, Antônio Carlos Stacciarini enfatizou que todas as atividades foram acompanhadas por monitores e professores, inclusive as viagens, tudo para garantir a seguranças dos jovens.

 

Sandra é mãe do pequeno Henrique Peres de apenas 6 anos e elogiou a novidade. “Ele ficou muito feliz, todos os dias ele chegava em casa falando com euforia do que tinha feito aqui, além de ser um alívio saber que ele está em boas mãos, com uma equipe responsável e não na rua”, disse. A mãe inclusive aproveitou para pedir outros projetos semelhantes. “Deveria acontecer sempre, nos finais de semana, nos ginásios, enfim, atividades para que eles possam fazer algo produtivo e não ficar na rua fazendo nada”, finaliza. 










Rua Floriano Peixoto, 395 - Centro | CEP 38120 000 Tel. [34] 3321-0000 | CNPJ 18.428.854/0001-39